Páginas

quinta-feira, 11 de maio de 2006

Ontem li um livro horrososo. Sim, comecei e terminei de ler no mesmo dia. Desisti! Foi a 1ª. Vez na vida que isso me aconteceu, porque sou otimista e sempre acho que vai melhorar, mas eu ia passando os capítulos, começava a ler, fazia uma leitura rápida, por alto, mas era tão baixo astral, tanta lamentação, tanta tristeza, que dava desgosto de ler.

Era uma moça que reclamava de viver a cada página. Ela não tinha mãe, não gostava do pai, se afastava dos irmãos e parentes. Reclamava de tudo, chorava todos os dias, só queria morrer. Procurou por emprego o livro todo (eu fui lendo por alto até o final, queria ver se ia ter uma mudança), quando conseguiu, trabalhou por 2 dias e resolver ir embora e não mais voltar, alegando que não gostava de ter contato social.

Aff! Se fosse na vida real, eu teria pena, aconselharia tratamento (deve ser autista ou maníaca-depressiva); mas como era ficção, foi mais fácil virar as cosas e deixar para trás.
De problemas, já basta os reais. De desilusões e tristezas, já bastam as minhas.

A única coisa que gostei foi no prefácio do livro, onde dizia:

"Tenta; só dispõe de tentativas.
Já não queres tentar? Tenta mais uma vez.

Tenta.
Tenta viver.
Tenta sonhar.

Afinal
É muito difícil tentar?"


Já aconteceu isso com você? Já desistiu de ler um livro? Confesso que fiquei frustrada.


HOJE TAMBÉM POSTO NO:
Image hosted by TinyPic.com


Beijosssssssss

Nenhum comentário: