Páginas

sábado, 11 de novembro de 2017

Livros & Filmes: outubro



O efeito Rosie: Continuação de 'o projeto Rosie'. Agora Don e Rosie estão casados e morando em New York, onde ele está como prof. Da faculdade de Columbia e ela cursando medicina. Quando Rosie engravida, Don fica nervoso e perdido, porque não foi planejado. Encontros e desencontros. Ele querendo colaborar da forma que sabe, planejando os.mínimos detalhes, e ela se sentindo pressionada. Muita loucura e diversão. Ri demais.

Sinopse: A sequência do best-seller internacional O Projeto Rosie. O Projeto Rosie foi concluído, e Don e sua amada estão morando em Nova York. Ele é professor na Universidade de Columbia, e Rosie cursa o primeiro ano do programa de doutorado em medicina. Tudo vai muito bem até o dia em que ela anuncia: “Estamos grávidos.” Diante do desafio ainda maior do que encontrar uma esposa, Don não vê alternativa a não ser iniciar o Projeto Bebê. Ao tentar definir os protocolos para se tornar pai, usando seu estilo de pesquisa peculiar e suas habilidades sociais – ainda baixíssimas –, Don, é claro, acaba se metendo em várias confusões e mal-entendidos. Agora ele corre o risco de ser processado, deportado, de perder a credibilidade profissional e, o pior, de perder Rosie para sempre. Prepare-se para rir, chorar e se emocionar novamente com o professor de genética mais carismático de todos os tempos.


O safado do 105: Raíssa se mudou da casa dos pais para morar sozinha e ter mais liberdade. Seu vizinho é Calvin, um mulherengo inveterado que atrapalha suas noites sono, mas que no fundo e um sensível apaixonado por Clarisse Lispector (paixão que herdou da sua falecida mãe) e com medo de amar, por ter perdido todos que ama. Não demorou muito para que os dois se envolvessem, mas o medo dele quase coloca tudo a perder. Hot e fofo. Eu sempre paquerava esse livro, mas fui enrolando pra comprar. Mas depois que comecei a ler, devorei. Amei!

Sinopse: A analista de sistemas Raissa Magalhães finalmente compra um imóvel e realiza o sonho de morar sozinha. Assim que ela se muda para a casa de número 104, descobre que seu novo vizinho, que ela apelida de Calvin, é um chef de cozinha alto, bonito, jovem e sarado. Com o tempo, ela descobre que dormir em seu novo quarto será uma missão impossível. Da casa 105, geminada com a sua, chegam, noite após noite, gemidos e gritos de prazer das mulheres que visitam seu vizinho. A vocação do rapaz para a safadeza não só impedirá Raissa de dormir profundamente, mas irá incitá-la e excitá-la de tal maneira que ela, também, começará a frequentar o 105. O desejo de Raissa se transformará em paixão. Só que a analista de sistemas sabe muito bem que se apaixonar por um homem com tamanho currículo sexual pode não ser a coisa mais sensata. Conseguirá Raissa mudar o jeito irresponsável e descompromissado de seu vizinho, fazendo-o se apaixonar por ela? Ou será que almejar um futuro amoroso ao lado de um safado convicto é pura ilusão?


Tartarugas até lá embaixo: Quando Aza e Daise, sua melhor amiga, escutam que o bilionário Russel Pickett desapareceu, resolvem ir procurar Davis, o filho mais velho dele, que Asa conheceu num acampamento de órfãos uns anos atrás, pois foi oferecida uma recompensa de cem mil dólares para quem ajudasse encontrá-lo. Elas desistem de investigar a pedido de Davis e amizade entre Asa e ele retoma, se tornando um namorido, que esbarra no TOC dela a respeito de bactérias. Tem de tudo: amizade, TOC, perdas, namoro, mistério... Amei! Sou suspeita.

Sinopse: A história acompanha a jornada de Aza Holmes, uma menina de 16 anos que sai em busca de um bilionário misteriosamente desaparecido – quem encontrá-lo receberá uma polpuda recompensa em dinheiro – enquanto lida com o transtorno obsessivo-compulsivo (TOC). Repleto de referências da vida do autor – entre elas, a tão marcada paixão pela cultura pop e o TOC, transtorno mental que o afeta desde a infância –, Tartarugas até lá embaixo tem tudo o que fez de John Green um dos mais queridos autores contemporâneos. Um livro incrível, recheado de frases sublinháveis, que fala de amizades duradouras e reencontros inesperados, fan-fics de Star Wars e – por que não? – peculiares répteis neozelandeses.


Big rock: Spencer e Charlotte são amigos desde a faculdade e sócios num bar. O pai de Spencer vai vender a joalheria da família é a fama de pegador dele ta atrapalhando o negocio com um senhor caretão e num jantar de negócios entre as famílias, Spencer diz que esta noivo de Charlotte. Ele a convence a fingir por uma semana que estão noivos, e ela topa pra se livrar do ex que fica pegando no seu pé. Eles não precisaram nem de 1 semana para ver que se amam. Bem previsel, porem muito bom de ler. Hot na medida.

Sinopse: A maioria dos homens não entendem as mulheres. Spencer Holiday sabe disso. E ele também sabe do que as mulheres gostam. E não pense você que se trata só de mais um playboy conquistador. Tá, ok, ele é um playboy conquistador, mas ele não sacaneia as mulheres, apenas dá aquilo que elas querem, sem mentiras, sem criar falsas expectativas. “A vida é assim, sempre como uma troca, certo?”. Quer dizer, a vida ERA assim. Agora que seu pai está envolvido na venda multimilionária dos negócios da família, ele tem de mudar. Spencer precisa largar sua vida de playboy e mulherengo e parecer um empresário de sucesso, recatado, de boa família, sem um passado – ou um presente - comprometedor... pelo menos durante esse processo. Tentando agradar o futuro comprador da rede de joalherias da família, o antiquado sr. Offerman, ele fala demais e acaba se envolvendo numa confusão. E agora a sua sócia terá que fingir ser sua noiva, até que esse contrato seja assinado. O problema é que ele nunca olhou para Charlotte dessa maneira – e talvez por isso eles sejam os melhores amigos e sócios. Nunca tinha olhado... até agora.

Os 27 crushes de Molly: Molly tem 17 anos, já teve 26 crushes e nenhum namorado. Sua irmã gêmea, Cassie, tem mais sorte no amor e logo começa a namorar Mina, uma menina super descolada. Molly começa a trabalhar e o 27o. Crise é Reid, filho dos donos da loja e rola um clima. Além dele, começa a rolar um clima com Will, amigo da Mina. Tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, preparativo do casamento das mães dela, ser paquerada, primeiro beijo e conflitos, insegurança e pânico por se sentir solitária, discriminada por ser gorda. Que livro! Ao mesmo tempo que é bem teen, com toda essa questão de paquera e insegurança, tem uma lição bem bacana de amor próprio e aceitação do próprio corpo.

Sinopse: Molly já viveu muitas paixões, mas só dentro de sua cabeça. E foi assim que, aos dezessete anos, a menina acumulou vinte e seis crushes. Embora sua irmã gêmea, Cassie, viva dizendo que ela precisa ser mais corajosa, Molly não consegue suportar a possibilidade de levar um fora. Então age com muito cuidado. Como ela diz, garotas gordas sempre têm que ser cautelosas. Tudo muda quando Cassie começa a namorar Mina, e Molly pela primeira vez tem que lidar com uma solidão implacável e sentimentos muito conflitantes. Por sorte, um dos melhores amigos de Mina é um garoto hipster, fofo e lindo, o vigésimo sétimo crush perfeito e talvez até um futuro namorado. Se Molly finalmente se arriscar e se envolver com ele, pode dar seu primeiro beijo e ainda se reaproximar da irmã. Só tem um problema, que atende pelo nome de Reid Wertheim, o garoto com quem Molly trabalha. Ele é meio esquisito. Ele gosta de Tolkien. Ele vai a feiras medievais. Ele usa tênis brancos ridículos. Molly jamais, em hipótese alguma, se apaixonaria por ele. Certo? Em Os 27 Crushes de Molly, a perspicácia, a delicadeza e o senso de humor de Becky Albertalli nos conquistam mais uma vez, em uma história sobre amizade, amadurecimento e, claro, aquele friozinho na barriga que só um crush pode provocar.

O silêncio das águas (#elementos3): Maggie sempre foi apaixonada por Brooks, amigo do seu irmão, desde criança. No dia que eles iam 'se casar' ela sofreu um trauma e perdeu a voz. Brooks todo diabos visitá-la e virou sua âncora e seu melhor amigo. Logo perceberam que era amor e começaram a namorar, mas tiveram muitos empecilhos: a mãe dela, viagens dele para realizar o sonho de fazer sucesso com a banda Cooks e um trauma que ele sofreu. Ela contava com a visita da Sra. Boone, a vizinha que sempre falava verdades que doíam e do seu pai, que é um fofo encantador. Passada a fase de rebeldia da irmã Chelrie, ganhou outra amiga. Entre idas e vindas, medo, pânico e sofrimento, uma linda história de amor, amizade, família. Amei demais. Meu preferido da serie elementos.

Sinopse: Quando a pequena Maggie May presencia uma cena terrível à margem de um rio, sua vida muda por completo. A menina alegre que vive saltitando de um lado para o outro e tem uma paixonite por Brooks Griffin, o melhor amigo de seu irmão, sofre um trauma tão grande que acaba perdendo a voz. Sem saber como lidar com o problema, sua família se vê em uma posição difícil e tenta procurar ajuda, mas nenhum tratamento vai adiante. Ao longo dos anos, Maggie aprende sozinha a conviver com os ataques de pânico e, sem conseguir sair de casa, encontra refúgio nos livros. A única pessoa capaz de compreendê-la é Brooks, que permanece sempre ao seu lado. A cumplicidade na infância se transforma em amizade na adolescência, até que um dia eles não conseguem mais negar o amor que sentem um pelo outro. Mas será que o forte sentimento que os une poderá resistir aos fantasmas do passado e a um acontecimento inesperado, que os forçará a navegar por caminhos diferentes?


Amor e Gelato: Carolina, também conhecida como Lina, foi passar um tempo em Florença apos sua mãe morrer (com quem morava nos EUA). Foi para conhecer seu pai, que nunca tinha visto. Lá ela recebeu um antigo diário que sua mãe enviou antes de morrer, onde ela contava sobre o tempo que viveu em Florença e estudava na Faculdade de artes e se apaixonou pelo pai dela. Lina logo conheceu Ren, que virou seu amigo é a levava de scooter para conhecer os locais que sua mãe descrevia no diário e foi em busca das pessoais ela conviveu e ela descobre segredos que mudam tudo. Amor, amizade, locais encantadores, um pai fofo demais (e outro nem um pouco legal). Amei!!!!

Sinopse: Depois da morte da mãe, Lina fica com a missão de realizar um último pedido: ir até a Itália para conhecer o pai. Do dia para a noite, ela se vê na famosa paisagem da Toscana, morando em uma casa localizada no mesmo terreno de um cemitério memorial de soldados americanos da Segunda Guerra Mundial, com um homem que nunca tinha ouvido falar. Apesar das belezas arquitetônicas, da história da cidade e das comidas maravilhosas, o que Lina mais quer é ir embora correndo dali. Mas as coisas começam a mudar quando ela recebe um antigo diário da mãe. Nele, a menina embarca em uma misteriosa história de amor, que pode explicar suas próprias origens. No meio desse turbilhão de emoções, Lina ainda conhece Ren e Thomas, dois meninos lindos que vão mexer ainda mais com seu coração. Uma trajetória que fará Lina descobrir o amor, a si mesma e também aprender a lidar com a perda. Amor & gelato é uma deliciosa viagem pelos mais românticos pontos turísticos italianos, com direito a tudo de mais intenso que o lugar tem a oferecer: desde paixões até corações partidos.

Derrubando as paredes: Vivian herdou a casa de praia de uma tia Maude, que ela só viu aos 12 anos de idade, e resolveu ir da Filadélfia até a Califórnia para ver como estava e se apaixonou pela casa e pelo cowboy Hank, que cuidava do cavalo, da égua e das galinhas. Ao chegar encontrou uma casa imensa, tombada e precisando de alguns reparos, que precisavam do aval do bibliotecário Clark. Viv logo faz amizade com Jessica, a atendente do café e recebe amigos que a ajudam na reforma. É entre tantas negociações com Clark, rola um clima. Livro divertido, leve, daqueles pra ler rapidinho.

Sinopse: Quando uma fã de romances eróticos recebe uma herança que a leva para o outro lado do país, ela só consegue pensar em uma coisa: "Finalmente vou poder viver as histórias de meus personagens favoritos!" Agora, só falta chegar à Califórnia e encontrar seu pirata. Ok, pirata é um pouco demais, mas um caubói também serve. E ele existe. Hank. Loiro, sarado, sem camisa e... nem um pouco a fim de se relacionar. Será que Vivian vai conseguir laçar seu caubói e viver seu tão sonhado romance erótico, ou uma ajudinha do destino pode trazer para sua vida um novo personagem?


Esposa 22 (Wife 22): Alice está passando por uma crise no casamento e resolve responder uma pesquisa online sobre relacionamento e recebe o pseudônimo de esposa 22, já que a pesquisa tem quer imparcial. William, seu marido também está infeliz e foi demitido do emprego. O que ela não contava era acabar se apaixonando pelo pesquisador 101, que também estava infeliz no casamento e também se apaixonou por ela. Nesse meio tempo tem a crise do namoro da filha deles, Zoe, é o filho Peter, que ela desconfia ser gay. O casamento das amigas Nedra e Kate; a filha de uma antiga amiga de teatro que precisou morar um tempo com e ele, a Caroline. Tudo ao mesmo tempo agora. Livro divertido, leve, daqueles pra ler rapidinho. Adorei!

Sinopse: Alice e William Buckle se casaram apaixonados. Mas, dois filhos e quase vinte anos depois, Alice está entediada. Por isso, quando recebe um convite por e-mail para participar de uma pesquisa on-line sobre casamentos, ela aceita num impulso. Respondendo às perguntas enviadas por um pesquisador anônimo e carismático (Pesquisador 101), Alice (Esposa 22) tem a oportunidade de reexaminar a história do próprio relacionamento.





Sangue pela vitória: amo filmes baseados em fatos reais. E esse conta a história do campeão mundial de boxe, Vinny 'Paz' Pazienza. Ele sofreu um acidente de carro e ficou em estado grave, precisou fazer cirurgia de Halo e não se entregou. O tempo todo acreditou que voltaria aos ringues, mesmo quando todos falavam o contrário. Uma verdadeira história de superação. Maravilhoso.

Sinopse: A inspiradora história do campeão mundial de boxe, Vinny Pazienza (Miles Teller), que após um grave acidente automobilístico não sabia se voltaria a andar. Um dos retornos mais incríveis do mundo do esporte.


Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα

sábado, 21 de outubro de 2017

Foz do Iguaçu - dia 3: Puerto Iguazu (ARG)

No dia 25/07, fomos aos 2 países vizinhos: Paraguai durante o dia e Argentina a noite. E voltamos ao Brasil para dormir. Muito legal isso.


Fizemos um city tour a Puerto Iguazu e, diferentemente do Paraguai, paramos na aduana na ida e na volta. O motorista/guia pegou nossos documentos e fez os trâmites todos, então nem sabemos o que precisa fazer. Só demos nossos RG (não temos passaporte) e ele resolveu tudo. Foi rápido. Fomos com a empresa Rede viagens e turismo e foi perfeito pois era só nos 2 e mais um rapaz, Diego, de Mato Grosso do Sul. O guia era ótimo e fizemos tudo do nosso jeito. Passamos pela Ponte Tancredo Neves, que liga os 2 países. Metade é pintada de verde e amarelo e outra de azul e branco, então dá pra ver bem onde começa um país e termina o outro.




Fomos ao Hito de las fronteras, o marco das 3 fronteiras do lado argentino. É aberto, tipo uma praça, e fica bastante gente em volta. Lindo, bem cuidado e grátis. As crianças estavam se divertindo nas águas. Tem uma feirinha ao lado que vende artesanato, imã de geladeira, essas coisas.







Depois ficamos ali pelo centro (enquando Diego foi ao Ice Bar) e foi a melhor coisa que fizemos. Saímos andando pelas ruas, vendo as coisas como gostamos de fazer. Vimos o incrível cruzamento de 7 ruas e tive que gravar, porque não dá pra sair tudo na foto.





De lá fomos conhecer o famoso alfajor da Capriccio, uma fábrica artesanal. Foi muito bom. Fica um moço bem diveertido dando explicações sobre os alfajores e sobre as geleias, doce de leite, temperos que eles fazem e dando prova. Tudo divino e delicioso. Compramos 2 caixas dos maravilhosos alfajores.




Depois fomos para La Feirinha, que é muito boa. Uma feira que vende azeitonas recheadas com tudo quanto é coisa (palmito, pimenta, cebola, calabresa, queijo...), alfajores, doce de leite e muitos outros produtos alimentícios. E tem vários restaurantes, todos simples e bem animados. Escolhemos um aleatoriamente e comemos empanadas deliciosas e bebemos Quilmes, a cerveja local. Foi bom demais, nos sentimos locais.






Daí deu a hora de reencontrarmos o guia para irmos ao Casino Iguazu. Nenhum de nós 3 estava muito animado para ir, mas fomos de curiosidade, já que a empresa nos dava voucher de R$10 para jogar nas máquinas e 1 bebida (suco ou café). Eu e Diego tomamos um delicioso suco de manzana e Con preferiu o café. E fomos jogar. Eu ganhei R$25 na máquina daquelas que sai apertando (eu sem entender nada só apertava a parada) e a danada danou a rodar e rodar e vi que ganhei. Fomos trocar no caixa pelo dinheiro e fomos embora. Sorte de principiante. Pena que é proibido tirar foto lá dentro.



Nem fomos ao Duty Free, que tava incluído no passeio. Eu e Con exaustos do Paraguai o dia todo e Diego estava lá para um congresso da faculdade e ia apresentar trabalho no dia seguinte. Fomos embora de volta ao Brasil. Mesmo procedimento na Aduana e cada um ficou no seu hotel. Amei!!!

Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα

sábado, 30 de setembro de 2017

Livros & Filmes: setembro



Dois a dois: Russ é casado com Vivian e eles tem uma linda filha de 5 anos, London. Quando Russ fica desempregado, Vivian começa a trabalhar e se envolve com seu chefe milionário e pede o divórcio. Ela se muda para Atlanta e Ruas precisa aprender a cuidar de London enquanto tenta captar cliente sua empresa de publicidade recém aberta. Russ tem pais ótimos e Marge, sua irmã e melhor amiga, e sua companheira Lis para o apoiar nessa fase difícil. Ele reencontra Emily, uma antiga namorada, recém divorciada, e viram melhores amigos de novo. Ao mesmo tempo que o relacionamento deles vai evoluindo para algo mais, uma tragédia familiar acontece para mudar tudo. Se não fosse isso, não seria Nicholas Sparks. Tava até estranhando tudo se encaminhando tão feliz. Mais um livro maravilhoso do Nicholas. AMOOOO!

Sinopse: Com uma carreira bem-sucedida, uma linda esposa e uma adorável filha de 6 anos, Russell Green tem uma vida de dar inveja. Ele está tão certo de que essa paz reinará para sempre que não percebe quando a situação começa a sair dos trilhos. Em questão de meses, Russ perde o emprego e a confiança da esposa, que se afasta dele e se vê obrigada a voltar a trabalhar. Precisando lutar para se adaptar a uma nova realidade, ele se desdobra para cuidar da filhinha, London, e começa a reinventar a vida profissional e afetiva – e a se abrir para antigas e novas emoções. Lançando-se nesse universo desconhecido, Russ embarca com London numa jornada ao mesmo tempo assustadora e gratificante, que testará suas habilidades e seu equilíbrio emocional além do que ele poderia ter imaginado. Em Dois a dois, Nicholas Sparks conta a história de um homem que precisa se redescobrir e buscar qualidades que nem desconfiava possuir para lutar pelo que é mais importante na vida: aqueles que amamos.


Mil beijos de garoto: Rune se mudou aos 5 anos para os EUA vindo da Noruega e logo fez amizade com sua vizinha Poppy e se tornaram inseparáveis desde então. Antes de morrer, a vó de Poppy deu um pote a ela com mil corações de papael dentro, para ela preencher com cada beijo 'tão especial quanto é possível ser especial' do amor da sua vida. E aos 8 anos ela preencheu o primeiro do seu primeiro beijo dado em Rune. Amor lindo, fofo, verdadeiro e com alguns imprevistos no meio. Lindo, emocionante. Quando terminei de ler dei um abraço bem apertado e um beijo no livro, porque ele é tão especial quanto é possível ser especial. E meu coração quase explodiu.

Sinopse: Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto. Uma garota. Um vínculo que é definido num momento e se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar para sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando, aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para o lugar onde passou a infância – a cidade americana de Blossom Grove, na Geórgia –, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield, a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente por seu retorno. E ele quer descobrir por que, nos dois anos em que esteve fora, ela o deletou de sua vida sem dar nenhuma explicação.


Pegando fogo (Rosemary Beach #13): A história da polêmica Nan, irmã de Rush Finlay. Major tenta reconquistar Nan depois dela ter desistido dele por ser um mulherengo inveterado. Ela viaja a Vegas e conhece Gannon (que na verdade é Cope, chefe do Major) que foi até lá para tentar arrancar um segredo dela. O que era pra ser trabalho, vira atração e desencontros. Prova de que o amor pode mudar as pessoas. Gostei.

Sinopse: Nan Dillon, a bad girl de Rosemary Beach, é uma garota imatura e egoísta que não tem outra preocupação na vida a não ser manter o corpinho perfeito. Só que Nan está longe de ser feliz: nunca teve o amor dos pais, o irmão adorado não tem mais tempo para ela, e Grant, o único homem de quem gostou de verdade, resolveu trocá-la pela meia-irmã dela. Então, quando Major Colt a convida para sair, ela não pensa duas vezes. Apesar de saber que esse texano charmoso e de fala mansa não quer nada sério, ficar com ele é melhor do que estar com as colegas fúteis ou passar as noites sozinha vendo televisão. Mas logo Nan fica farta do comportamento descompromissado de Major e, depois que ele a deixa plantada em casa mais uma vez, decide ir a Las Vegas para um fim de semana sem regras e sem limites. Lá, conhece Gannon, um empresário sedutor e perigoso que sempre diz exatamente o que ela quer ouvir. Quando Major vai atrás dela implorar por uma segunda chance e Gannon mostra que não é tão perfeito quanto ela pensava, Nan tem que decidir a quem entregar seu coração. O que ela não percebe é que os dois têm uma estratégia de longo prazo para ela - e já estão várias jogadas à sua frente.

Se nada der certo até os 30, você se casa comigo?: Steph era namorada de James e, assim, conheceu seu melhor amigo Linden e se tornaram um trio insuperável. Quando tinham 25 anos, Linden fez um pacto com Steph que se eles estivessem solteiros aos 30, iriam se casar. Entre encontros e desencontros, ambos chegam aos 30 namorando outras pessoas, mas uma viagem de casal e uma brincadeira de adolescentes muda tudo. Livro gostoso de ler, daqueles que não dá vontade de parar. Adorei!

Sinopse: Era para ser só uma promessa de dedinho... Linden McGregor é alto, robusto e incrivelmente bonito, um piloto de helicóptero com sotaque escocês e charme de sobra. Stephanie Robson é bonita, engraçada e uma mulher de negócios ambiciosa – e irresistível. Os dois são melhores amigos desde sempre, mas alguns relacionamentos não podem ser classificados ou domados depois que surge a primeira faísca de desejo. Aos seus vinte e poucos anos, cansados do drama de suas tentativas amorosas, Steph e Linden resolvem fazer um pacto, uma promessa de dedinho: se casariam um com o outro se nenhum dos dois estivesse em um relacionamento sério quando chegassem aos 30. Naquele momento, entre uma cerveja e outra, essa ideia lhes pareceu um jogo divertido, no entanto, com os anos se passando e amantes indo e vindo de suas vidas, o pacto começa a lhes cobrar uma resposta. Sexo será inevitável. A amizade será testada. Seus corações estão preparados? O pacto está prestes a mudar tudo!

Cadê você, Bernadette?: Bernadete é uma arquiteta que ganhou um prêmio muito importante da arquitetura, mas depois de um trauma, nunca mais trabalhou e virou antissocial. Ela é mãe da Bee, uma adolescente de 15 anos estudiosa e apaixonada pelo Antártida. É é casada com Elgin que é um gênio e trabalha na Microsoft e tem o 4a. Palestra mais visto do TED. Família perfeita? Longe disso. Bernadette se envolve com amafiabrussia, o marido acha que ela ta louca e quer interná-la numa clinica psiquiátrica, ela some... eu gargalhei lendo esse livro. Ri muito mesmo. Recomendo.

Sinopse: Bernadette Fox é notável. Aos olhos de seu marido, guru tecnológico da Microsoft e rock star do mundo nerd, ela se torna mais maníaca a cada dia; para as demais mães da Galer Street, escola liberal frequentada pela elite de Seattle, ela só causa desgosto; os especialistas em design ainda a consideram uma gênia da arquitetura sustentável, e Bee, sua filha de quinze anos, acha que tem a melhor mãe do mundo. Até que Bernadette desaparece do mapa. Tudo começa quando Bee mostra seu boletim (impecável) e reivindica a prometida recompensa: uma viagem de família à Antártida. Mas Bernadette tem tal ojeriza a Seattle - e às pessoas em geral - que evita ao máximo sair de casa, e contratou uma assistente virtual na Índia para realizar suas tarefas mais básicas. Uma viagem ao extremo sul do planeta é uma perspectiva um tanto problemática. Para encontrar sua mãe, Bee compila e-mails, documentos oficiais e correspondências secretas, buscando entender quem é essa mulher que ela acreditava conhecer tão bem e o motivo de seu desaparecimento. Maria Semple revela, em seu segundo romance, a influência de grandes escritores contemporâneos como Jonathan Franzen e Jeffrey Eugenides, ao mesmo tempo que se afirma como uma voz original, marcada pelo melhor humor das séries de TV norte-americanas. Sem sentimentalismos, mas com muita empatia, Cadê você, Bernadette? trata do amor incondicional de uma filha por sua mãe imperfeita.






De repente 30: já vi mil vezes, e quantas vezes passar e eu tiver de bobeira, verei novamente. Simplesmente amo. Fofo toda vida.

Sinopse: Jenna Rink (Christa B. Allen) é uma garota que está descontente com sua própria idade, já que seus colegas mais populares da escola não lhe dão atenção, seus pais ficam sempre no seu pé e o garoto por quem está apaixonada nem sabe que ela existe. A única amizade que Jenna possui é Matt Flamhaff (Sean Marquette), seu vizinho. Para tentar reverter a situação Jenna decide por ter uma grande festa para o seu 13º aniversário, convidando todos os adolescentes que conhece. Porém o que deveria ser sua consagração se transforma num grande desastre, após Jenna ser trancada em um armário devido a uma brincadeira e ser completamente esquecida pelos demais presentes na festa. Triste, Jenna faz um pedido: virar adulta de repente, para ter a vida com que sempre sonhou. O pedido milagrosamente se torna realidade e, no dia seguinte, Jenna (Jennifer Garner) desperta em 2004 e com 30 anos de idade. De início Jenna fica assustada com as novidades de sua vida, mas aos poucos fica cada vez mais encantada por ter se tornado tudo aquilo que sempre sonhou ser. Porém, quando tenta reencontrar Matt (Mark Ruffalo), Jenna descobre que perdeu contato com ele há vários anos e que agora ele está prestes a se casar.

Annabelle: meus alunos sempre falam desse filme e eu fiquei curiosa para ver. Confesso que achei que fosse bem bobinho, mas me surpreendeu positivamente. Gostei!

Sinopse: Um casal se prepara para a chegada de sua primeira filha e compra para ela uma boneca. Quando sua casa é invadida por membros de uma seita, o casal é violentamente atacado e a boneca, Anabelle, se torna recipiente de uma entidade do mal.





Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα

domingo, 24 de setembro de 2017

Rock in Rio 2017

Ontem, 23/09, fui ao Rock um Rio com Conrado (nossa 1a. Vez juntos no festival) e minha irmã.



 Entramos e fomos.surpreendidos pelo Muro dos campeões, onde tem todos.os campeões dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Impossível não sentir saudade daqueles momentos.



 Fomos logo procurando a Rock Street, Pois queríamos ver o show de Bernard et Alfred, os primos de Burundi que são especialistas em Umuduri, o ancestral do berimbau. E superou todas as expectativas. Showzaço.







Num momento teve o 'encontro' com o nosso berimbau, e até capoeira joguei no Rock in Rio.






Depois fomos pro palco Sunset ver show do Cidade Negra cantando as musicas do Gilberto Gil. Amamos.



Hora de dar uma volta e ir conhecer o Rock District, ver a calçada da fama e curtir um pouco o espaço. Aproveitamos pra comer por lá, já que tinha muitas opções e as lanchonetes não tavam tão cheias quanto próximo aos palcos.




Vimos os fogos da aberura do palco mundo de lá e também ouvimos o show dos Titãs também.





Paramos um momento pra descansar, deitar na canga e ver/ouvir o show do incubus, que achei bem jornalzinho, nada demais. Foi perfeito pra descansar e recarregar as baterias.



O The Who foi maravilhoso, curtimos muitos. Os coroas estão mandando ver bem demais.



E pra fechar com chave de ouro, meus amados Guns n Roses. Meu trio amado Axl, Slash e Duff. Combinação mais que perfeita. Foram 3 horas e meia de show, tornando-o mais.longo da história do Rock in Rio. Foi pra lavar a alma.





Se alegria matasse, eu morria. Tocaram até My Michelle.





Obs: post sem formatação, pois fiz do celular. Vou tentar pegar o costume de postar e visitar os blogs amigos por aqui. Raramente ligo o notebook agora.


Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Foz do Iguaçú - dia 3: compras no Paraguai




Depois do city tour no Paraguai, voltamos para o shopping ciudad del este, onde almoçamos um prato feito rapidinho e fomos aproveitar nossas 4 horas restantes (antes de ter que pegar a van para voltar) para conhecer a muvuca.



Eu necessitava comprar uma câmera fotográfica. Fui cheia das dicas que peguei nos blogs de viagem e já fui direto para uma das lojas recomendadas como confiável, a Casa Nissei. Até falei com um dos vendedores antes pelo messenger e entrei no site de algumas lojas confiáveis para ver modelos e preços de câmeras no estilo que eu queria. Dei print e mostrava ao vendedor no celular. Levei dólar e paguei nessa moeda, conforme li que seria melhor também.


Acabei comprando shampoo (R$31) , condicionador (R$31) e shampoo a seco da Aussie (R$3 ou 5, nem lembro mais, pois comprei 4 - para minha mãe e irmã, além de esmalte), que estavam super baratos no shopping Ciudad del Este. Paguei em Real mesmo.



Uma coisa que eu não tinha ouvido falar é que lá é muito quente e tudo é ladeira. Então bora preparar as pernas para subir muito no calor. Não fui na intenção de comprar nada além da câmera, então achamos melhor ir aos shoppings para ficar no ar condicionado. 



Fomos ao Shopping Paris, que tanto ouvimos falar, mas não compramos nada por lá. Chegamos a pegar umas coisinhas no shopping China (que fica dentro do shopping Paris), mas a fila para pagar estava tão grande que desistimos.



Tinha lido tanto falando que Ciudad del Este é suja, caótica e tal, que achei tranquila. Acho que fui esperando algo muito pior e acabei gostando. Achei tranquila.


Leia mais: Ciudad del Este é assim, Roteiro de 5 dias em Foz, Paraguai e Argentina, Compras no Paraguai,  como fazer compras no Paraguai,  Compras no Paraguai


Beijossssssss
┌──»ʍi૮ђα