Páginas

quinta-feira, 4 de janeiro de 2007

Ano novo

O bom do Ano Novo é o ânimo que ele nos dá. Hoje eu já:

Image hosted by TinyPic.com Levei o carro pra uma geral no mecânico;

Image hosted by TinyPic.com fui pro spinning e comecei na musculação;

Image hosted by TinyPic.com lavei, recolhi e dobrei roupa;

Image hosted by TinyPic.com Arrumei uma parte do meu guarda-roupa (a parte de roupas de cama e de inverno) e separei umas coisas para dar;

Image hosted by TinyPic.com Limpei meu quarto (tá lindo e cheirosinho);

Image hosted by TinyPic.com Dei uma geral no pc e liberei 3Gb de espaço (gravei cds e apaguei um monte de coisa que não usava mais, passei desfragmentador de disco...);

Image hosted by TinyPic.com Ajeitei os links do blog (tirei os das pessoas que pararam de postar ou colocaram senha e não me avisaram e coloquei mais um monte de link novo). Se faltou o seu, me avisa, tá?

Por isso que eu amo esse poema do Drummond, porque concordo plenamente com ele.


Quem teve a idéia de cortar
o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança,
fazendo-a funcionar
no limite da exaustão.

Doze meses dão para
qualquer ser humano se cansar
e entregar os pontos.

Aí entra o milagre da renovação e
tudo começa outra vez, com outro
número e outra vontade de acreditar
que daqui para diante vai ser diferente".

(Carlos Drummond de Andrade)


Beijosssssssssssssss

Nenhum comentário: