Páginas

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Ciumenta, para de ser tão ciumenta...

♫♫"saia dessa paranóia de dizer que tenho outra,
porque assim você vai ficar louca,
é uma barra teu ciúme possessivo,
não bota fé em tudo que eu digo,
me liga toda hora pra saber onde é que eu estou,
no futebol , com os amigos ou em qualquer lugar que eu vou ...
ciumenta , para de ser tão ciumenta,
desse jeito nenhum homem te aguenta,
se liga ou você vai me perder..." ♫♫



Li na Nova de janeiro/11 esse trecho e resolvi fazer um post sobre:

"Homem ciumento demais não é apenas um poço de insegurança como normalmente tem culpa no cartório. Esse tipo de possessividade se tornará destrutiva a longo prazo e causará muito sofrimento...aos dois.

(Pete Casale)

Concordo em gênero, número e grau.
Não sou ciumenta e não suporto ciume. Não gosto de ninguém me sufocando e nem me cobrando nada. Eu faço a minha parte e ponto.
Con não é ciumento também. Por isso, casamos. Porque pensamos igual num ponto fundamental a qualquer relação.

Porque tem gente que acha bonitinho o namorado neurótico, sufocando...acha que é sinal de amor. Fala sério! Acorda pra cuspir vida!!! Amor é outra coisa bem diferente e muito mais gostosa.


Vamos aos "causos":

Tinha uma amiga (sim, o ciúme nos afastou) que era tão neurótica que acabava por colocar os namorados neuróticos também (sei que eles não eram, porque conhecia os 2 que ela teve antes de namorarem). Aí era um termina e volta sem fim. Tudo por conta do maldito ciume. Acha que o amor quer isso?

Teve um que de tanto ela achar que traía ela, ele acabou por trair mesmo. Ele falou assim:
- Pô, eu não faço nada e fico tomando bronca, levando a fama. Agora vou fazer!!!
E fez e viu que estava tão mais tranquilo que terminou o namoro de vez e foi ser feliz sozinho.


Eu tive um namorado que era lindo (a cara do Giannechini) e a mulherada dava em cima na maior, caia matando e ele me perguntava se eu não tinha ciume e eu respondia:
- Não, se você está comigo por livre escolha, vou ter ciúme porque?
O ego dele não aguentou, ele terminou e falou que achava que eu não gostava dele e tal. Sofri, chorei na cama, que é lugar quente e aceitei, porque eu não queria alguém que se sentisse a ponto de achar que eu tinha que me rasgar por ele, colocar o meu amor próprio abaixo do amor que sentia por ele na época.

Já me perguntaram várias vezes como consigo ser relax e sempre respondi:
- Eu confio na pessoa que está comigo. O dia que me der motivo para não confiar mais, o dia que eu tiver que ficar neurótica, imaginando mil coisas, procurando saber mais sobre o que está acontecendo, tendo que investigar carteira, celular, páginas de relacionamento, é porque JÁ DEU! JÁ ERA!!! Eu me amo muito, pois só assim posso amar outra pessoa.

Eu sempre pensei assim. Amar é se entregar, é viver plenamente e SER FELIZ. E não acredito que ninguém seja feliz vivendo insegura, porque baixa a autoestima, acaba com o amor próprio.

Prefiro morrer de pé, do que viver de joelhos!!!


E você? Já viveu alguma situação assim? É ciumenta? O que acha disso?


26 comentários:

Juci Bris disse...

eu sou a enciumada....eu chamo de cuidado o que sinto ( rsrsrs...ciúmes mesmo): fico alerta se percebo alguém dando em cima - eles nunca percebem , incrível - e falo só pra ele pra ter cuidado. Já fiz cara amarrada, mas é raro...nada d+. No final me divirto pq é uma coisa gostosa de sentir. Quando nao sinto ciúmes EU Ñ GOSTO DA PESSOA, e isso é fato!!!!

Jaque ઇ‍ઉ disse...

Micha, eu sinto ciumes mas é bem controlado. Não faço escândalo nem fico fuçando em nada. É cuidado sabe? Eu e marido mais brincamos do que falamos sério sobre isso.

Concordo completamente com você. Se estamos com uma pessoa tem que haver confinaça.

Beijo!

Edna Mara disse...

Eu e Gabriel somos ciumentos. Só que piorei depois que uma amiga de meu marido passou a ter sonhos eróticos com ele, pode?
Aprendi que mulheres não são confiáveis. Antes eu não tinha idéia pq eu tinha crescido num meio masculino. Agora eu percebo como as mulheres são falsas e isso me assusta muito. Estou aprendendo a lidar com isso mas é muito complicado. Um beijo enorme!!!!

❥ elisa disse...

Do caus ao paraíso!
Meu ex era tão ciumento que me proibia de sair com meus amigos, de fazer qualquer programa sem avisá-lo, isso tudo morando a 4.000km de distância. Cinco meses depois de por um fim nessa doença conheci o Breno, meu marido e pense numa pessoa tranquila, chega a dar raiva às vezes, mas é só lembrar do falecido que eu sinto um alívio em ver como minha vida mudou e mostrou o que é amor de verdade!
Beijos Micha!

Carol disse...

A unica vez que fui ciumenta nao deu certo e foi na minha adolescencia. Como perdi o namorado, aprendi e hoje é tudo uma maravilha!
Depois tive um namorado mega ciumento tb e terminei com ele.
Agora eu e marido nao temos ciumes, no maximo uma coisinha 1 vez a cada 10 anos hehehehe

Beijinhos.

Casamento feliz disse...

Sou muito mais ciumenta que o Ale , mais acho que nada fora do normal rs

Beijos

Ju disse...

Aí, não faço o estilo ciumenta e não gosto que façam comigo, me sinto tolida, reprimida... é uó! Ainda bem que não tenho esse problema com o maridón ;)

Taty Carioka® disse...

Voltei!

Assunto interessante
Meus pais não eram ciumentos.
Tinham a vidinha social deles separados (pq não dá pra viver grudado no companheiro sempre,né)
E aprendi que ciúme não é coisa normal!

Vc está certa,viu

Sobre o incêndio nos baracões...deve ser algum sem noção que estava fumando.
é muito triste
O povo não entende o trabalho que dá colocar uma escola na avenida.

Mas vai dar tudo certo...e a criatividade dos antigos carnavais vai dar o ar da graça!

Tudo de bom,beijaum

disse...

Oie!
Passando para dizer que mudei o domínio do blog. Agora é http://fesobrinho.blogspot.com
Então, quando puder, segue novamente, pq eu ACHO que você não verá as atualizações
do blog e isso, com certeza, me deixará muito triste.
E se vc linkou ele na barra de seu cantinho, altere o endereço tbm por gentileza, pq será a mesma coisa, vc não visualizará minhas postagens diárias.

Por favor, não deixe de me seguir...rs

bjs da Fê.

Musa disse...

É, Micha, ciúme é uma merda, pq sofre quem tem ciúme e sofre quem é a causa dele... é o q vc falou, tem de primeiro ter amor próprio p depois poder amar o outro. :)

Bjos!

Tatiane Garcia disse...

Sou ciumenta Micha, com td que é meu!! tipos, não me pede livro emprestado e devolve todo sujo amassado que tenho um treco!! rsrs...entre várias outras coisas!!
Do marido, confio plenamente NELE, mas se vejo uma mocinha se chegando com atitude suspeita, observo e se for o caso, corto a mocinha! e isso tenho comigo desde os tempos de namoro!!!
bjobjo

Melissà disse...

Ai, caramba! Eu tenho um ciuminho básico, mas fico reprimindo, senão vira paranóia e sufoca o Sosó =B

Suzala Moura disse...

Micha, minha linda, adorei o post...eu tb sou assim, igual a vc: relax...não acho que ciúme é manifestação de amor, ao contrário, acho que é de falta de amor (a si mesma...) marido é ciumento, mas nem tanto...tem dia que dá uns surtos, mas passa logo..hehe...beijos

Débora disse...

Eu e o Paulo tb somos super relax. Se vejo uma mulher bonita na rua, q chame a atenção, não tenho o menor problema em falar com ele sobre isso. E vice versa. Se estamos juntos é pq queremos estar na cia um do outro. Ciuminho bobo de vez em qdo é bom, mas nda além disso!

Bjos

Lucimere disse...

Mi, continuo acreditando que está no excesso todo o veneno, um ciúme na dose certa é normal, pra mim, esse sentimento brota em todo mundo e é inevitável, cabe a nós, frearmos os impulsos destrutivos que ele ocasiona. Ser ciumento ou ter um ciumento é muito chato, em qqr relacionamento.

bjosss

ah! ontem fui numa aula inaugural na LBV e pensei muito em vc, pois vc disse, que qdo viesse aqui, queria conhecê-lo, lembra? O prédio é muito grande e eu só conheci, mesmo, o auditório da aula. qdo vc vir a gente faz a busca toda.

Kellen disse...

Uma pitadinha de ciúme acho que é interessante na relação. Mas, ciúme doentio, sufocante, ninguém merece.
bj

Fran UK disse...

eiii Mi, acho que foi eu que escrevi esse texto! aihiuahauihiah ..bate aquiiii! ..
Super sem ciumes! =)
tambem tenho um relacionamento tranquilo e saudavel! Temos que dar valor para o que realmente interessa ne!
Ciuminho eh o ohhhhh!

bjo flor!

disse...

Sou sou um pouquinho ciumenta sim,acho normal,nada em excesso.Mudando de assunto li teu post abaixo e assim como vc fiquei super triste.Eu tbém postei sobre a cidade do samba.Achei lindo a união d etodas as escolas,isso mostra que disputa só na Sapucai .Bjus

Luciana disse...

Micha, organizando meu blog que foi abandonado nesse período de Natal, férias e cia... vi um recadinho seu e fiquei pensandi: será que retribui a visita? Resolvi passar aqui e adorei ler sobre vc, suas opiniões etc e tal.... prazer em conhcê-la, rssss E, quanto ao ciúme... se disser que não tenho estarei mentindo. Tenho sim... mas não demonstro, não me descabelo por que penso como vc... está comigo, está por que quer! Rss Bj e apareça de novo!

Lulu on the Sky® disse...

Mi,
Sou ciumenta mas não neurótica a ponto de ficar fuçando nas coisas da pessoa, celular, email, etc. A confiança é a base de qq relacionamento, qdo ela deixa de existir então não tem como ficar mais junto.
Big Beijos

Telma disse...

Oi Micha, eu não me considero ciumenta, mas cuidado eu tenho, tudo dentro da normalidade, por isso mesmo, não me considero ciumenta. Mas concordo contigo, tudo que é exagerado faz mal, muito mal. Um óptimo dia para ti. Beijinhos

Kellenah disse...

Sou ciumenta mas não sou de escândalo não....Mas é realmente chato ter namorado possessivo e chiclete com ciúmes...aff

Kellenah disse...

Sou ciumenta mas não sou de escândalo não....Mas é realmente chato ter namorado possessivo e chiclete com ciúmes...aff

Panmela disse...

Lindona amei teu post.
Cara eu já tive um namorado e fui bem ciumenta com ele, a família dele esfregava essa de ciume o tempo todo na minha cara. Jh sou casada e ñ tenho ciume nenhum e nem ele de mim. Descobri então q ñ sou uma pessoa ciumenta, simplesmenter ñ confiava no meu namorado e ñ sabia disso.
Ciume em relacionamento é uma bosta mesmo!!!
Beijos querida!!!

Adriana disse...

Oi tudo bem?
Olha eu detesto ciume, mas eu acho assim, enquanto a pessoa não te der motivos p desconfiar não tem porque ficar brigando...Eu nesses anos todos fiquei assim apenas uma vez, em 2009, mas agora já conversamos e graças a Deus já superei isso...um relacionamento tem q ser assim, na base do dialogo e confiança senão não vale a pena...bjs e parabens pelo post

Sabrina Mix disse...

Terrível mesmo, né, amiga?!

Mas olhando esse quadrinho aí, vi que sou só enciumada. Tá bom, né?!

Beijos e sucesso!!!