Páginas

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Acabou-se o que era doce


Amanhã volto à labuta. Sim, em plena 6a. feira. Aff!!! Mas vamos com tudo. Fiz muitas coisas nessas férias, mas precisaria de mais umas duas semanas para fazer tudo que precisava. 

Nessas férias eu:

Li dezenas de revistas e já fiz as devidas doações (sempre dou quando termino de ler).


Li 10 livros (a mesma quantidade que li no ano passado todo) e comprei outros 9!


Fiz spinning (que adoro e não consigo horário para fazer quando estou trabalhando).
Dei uma ajeitada boa na casa.
Pintei a casa com amore (sim, colocamos a mão na massa).


Revi minha amiga que está morando nos EUA e veio passar 20 dias aqui.
Encontrei minhas amigas da faculdade 2x (uma aqui em Nikiti e outra no Rio mesmo).


Encerrei a conta na Caixa (que tinha aberto por conta do Construcard, que graças a Deus terminei de pagar esse mês).

Meio que renovei minha carteira de motorista (meio porque fui ao Detran e fiz os procedimentos de lá, tirar foto, impressão digital e assinar, mas falta o exame de vista, que tenho que marcar na clínica indicada por eles).

Voltei pra capoeira (e vi que não posso mais parar, pois tá sendo muito difícil. Voltar com 20 e pouco é um coisa, com trinta e pouca é outra completamente diferente).


Podia ser depois do Carnaval, né?
Enfim, vamos com tudo!!!

Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

domingo, 27 de janeiro de 2013

Ler é a melhor viagem 2

Continuando com a minha meta de aproveitar as férias para ler muito, já que fiquei em casa mesmo, mais livros já foram eliminados daquela pilha.


Esse livro foi lido semana passada também, junto com os outros três que falei nesse post aqui. Se chama Charlotte Street, e além de muito teen, é bem doidinho e fofo. Adorei!


Terminei de ler Into the wild - em inglês mesmo - que eu tinha começado ano passado e parei, retomei agora e fui até o fim. É um livro maravilhoso, assim como o filme, só que muito triste, então eu parava para chorar em vários momentos e, às vezes, precisa de uns dias para retomar a leitura. SUPER RECOMENDO, assim como o filme e a trilha sonora. Perfeito demais!!!



Também li O monge do andar de baixo, um livro gostoso de ler, encantando e até um pouco sensual. E imprevisível. Gostei bastante!


Ontem li Anna e o o beijos francês, que li todo no sábado de tão delicioso que é. Um romance fofo e encantador. Teen! (Ah, esse eu comprei nessas férias e chegou na 5a. feira, junto com uns outros, depois que todos chegarem tiro foto e posto aqui). Segundo livro dessa autora que devorei em um único dia, já entrou pra lista das minhas favoritas.

obs.: Se alguém aqui tiver skoob e quiser me adicionar, meu perfil é esse aqui.

Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Show: Nirvana (Hollywood Rock 1993)



Há exatos 20 anos atrás, eu estava na Praça da Apoteose com a minha irmã e uns amigos nossos (vizinhos) no Hollywood Rock, no show do Nirvana. Foi o primeiro festival de rock que fui na vida, e com certeza, isso o torna inesquecível. Eu tinha de 14 para 15 anos (que completei em maio).




O show foi algo muito louco, o Kurt mal se aguentava em pé. xingou, colocou o p*%$# para fora, se masturbou para a câmera da globo...loucura total!!! E o público estava alucinado, toda hora abria aquela cratera na multidão, e nossos amigos faziam um cerco em torno de nós duas, era mais uma briga. Nunca fui a um show com tanta briga na vida como esse.

{"...Foi lá que Kurt se masturbou diante das câmeras de TV. Era o auge do grunge, com o Nirvana atingindo um público muito maior do que Kurt imaginava e desejava. O que talvez tenha sido o melhor Hollywood Rock de todos os tempos teve ainda Red Hot Chili Peppers (que também estreava no Brasil), Alice in Chains, L7, Simply Red, e no lado Brasil, DeFalla, Engenheiros, Biquíni, Dr. Sin e Midnight Blues Band (projeto soul do Frejat e cia do Barão Vermelho)."



É um show histórico, que eu curti muito, gritei, vibrei, me apaixonei (já falei que todo show que fui arranjei um namoradinho? - e o pior é que rolavam outros encontros depois), vi uns caras cheirando cocaína do meu lado pela primeira vez na vida (meio bizarro!).



Não foi o melhor show da minha vida, mas é um show inesquecível e que eu amei muito ter ido. Infelizmente, um ano depois, Kurt deu cabo a própria vida e assim acabou uma das minhas bandas preferidas até hoje.

{"...No palco, Kurt Cobain estava com rotação alterada, e Krist Novoselic e Dave Grohl estavam desesperados...."
Fonte: crítica do Lúcio Ribeiro sobre o show de SP, que se aplica muito bem ao do Rio também.}


Kurt se vestiu de mulher e saiu do palco de quatro, pois mal se aguentava em pé:


Smells like teen spirit, desse mesmo show, com a participação do Flea (baixista do Red Hot Chilly Peppers trompete) aí embaixo:


 

Obs.: No youtube tem esse show completo, a quem interessar possa (eu tenho ele em DVD). Vale a pena ver!

Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Maravilhe-se



Li um texto do Einstein (sim, ele também era bom com as palavras!) no editorial da revista Lola (ed. Abril) e fiquei pensando em como é bom se maravilhar com as coisas. E são tantas as que me encantam:
  • flor
  • sorriso
  • pôr do sol
  • música
  • amigos
  • amore
  • afilhado Hugo
  • família
  • revistas
  • livros
  • capoeira
  • ensinar (e aprender, porque é um processo interligado)
  • rir até perder o folêgo
  • show muito esperado
  • berimbau bem tocado
  • carnaval
  • dançar 
  • passeio de barco
  • emagrecer
  • dentre outros...

Não necessariamente em ordem de prioridade/preferência, que varia conforme a época, vontade, desejo, estado de humor...
O texto que me inspirou foi o que reescrevi abaixo (vale a pena ler):

No que acredito


"A emoção mais bela que podemos experimentar é o sentimento do mistério. É a emoção fundamental que está no berço de toda a verdadeira arte e ciência. Aquele que desconhece essa emoção, aquele que não consegue mais se maravilhar, ficar arrebatado pela admiração, é como se estivesse morto; é uma vela que foi apagada. Sentir que por trás de qualquer coisa que possa ser experimentada há algo que nossa mente não consegue captar, algo cuja beleza e solenidade nos atinge apenas indiretamente: essa é a religiosidade. Nesse sentido, e apenas nesse sentido, sou devotamente religioso."

(Albert Einstein)




Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Ler é a melhor viagem

"...Me ocorreu que a ambição voraz dos seres humanos
nunca é saciada quando seus sonhos são realizados,
porque há sempre a sensação de que tudo poderia
ter sido feito melhor e ser feito outra vez..."
(trecho do livro A culpa é das Estrelas)

Mais três livros lidos e riscados daquela pilha que mostrei aqui pra vocês anteriormente. Para ler a sinopse, basta clicar no link com o título dos livros.



O primeiro foi O incrível livro de hipnotismo de Molly Moon. Um livro infanto juvenil (já falei aqui que amo esse estilo, né?) muito divertido e fantasioso. Se virasse filme, ia ser maior sucesso, a garotada ia se amarrar. E descobri que existem mais dois, que vou ver se leio futuramente.


O segundo livro da semana foi A culpa é das estrelas. Esse livro é simplesmente maravilhoso demais, do mesmo autor de "A menina que roubava livros". (Eu leria até a lista de compras do John Green - piada interna, quem ler o livro, entenderá). É apaixonante e devorei cada página apaixonadamente. É fofo por demais, desde o título até a última página. Já entrou pra lista dos meus preferidos e dos poucos livros que vou guardar (eu dou a maioria deles). RECOMENDO!


O terceiro livro lido essa semana foi Os colegas de Anne Frank. O autor foi colega de escola de Anne, cujo diário eu já havia lido anteriormente. Gostei muito, pude "conhecer" alguns dos colegas e matar a curiosidade de como foram aqueles anos de guerra pra eles. É chocante, claro, mas muito interessante de ler. Adorei!

obs.: Se alguém aqui tiver skoob e quiser me adicionar, meu perfil é esse aqui.

obs.2: O livro "A culpa é das estrelas" não é do mesmo autor de "A menina que roubava livros", fiz uma confusão por conta de um comentário na capa (provavelmente com essa intenção? ou não?), e quem me alertou um anônimo, pena que não deixou o nome para que eu pudesse agradecer. De qualquer forma, valeu, Anônimo!

Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Amizade marcada na pele

Há 18 anos entrei pra capoeira (vai completar em fevereiro!). Se juntar todo o tempo que treinei - entre várias paradas para fazer faculdade, falta de tempo, crise de perereca louca e afins - não deve dar 8 anos, mas o amor à essa arte-dança-luta-terapia-esporte é eterno. E aos amigos que nela fiz também. E em dezembro de 2012 resolvemos selar nossa amizade fazendo uma tattoo juntas. 

Eu e Fran fizemos no dia 13/12/12:

 Gus fazendo nosso desenho
 (o original está à direita, mas pedimos algumas modificações)
 o esboço no meu ombro, tatuando Fran, 
Gustavo me tatuando e a minha tattoopronta
Nossas tattoos prontas e amigos!!!

Infelizmente não pudemos fazer todas no mesmo dia por conta de compromissos e distância também (uma de nós está morando nos EUA, mas deu uma passada rápida por aqui para passar as festas de fim de ano em família), mas conseguimos quase todas fazer a tattoo (falta uma ainda, que fará em março).

 Tattoo da minha irmã e da Africana
(fizeram dia 29.12.13)

E hoje foi a vez de Pit fazer
A noite tiramos a foto semi-oficial (ainda falta uma de nós fazer)

 Para nossa sorte, no dia da foto oficial, um amigo nosso que é fotógrafo
profissional estava lá e registrou também

Curti bastante minha amiga nesses 20 dias que ela passou aqui, mas amanhã cedo ela estará voltando pros EUA. Com a promessa de voltar em agosto. Queira Deus!!!

Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Minha listinha de livros



Amo ler e leio o tempo todo: revistas (centenas delas, sem exagero!), livros, blogs, sites...I read all the time! Daí que vi esse gif no facebook e resolvi juntar todos os meus livros que ainda vou ler e tirar foto, porque nem eu tinha a exata noção de quantos eram.

60! SESSENTA!!!

Desses aí, já li 2 nessas férias (O misterioso caso de Styles e O caso do hotel Bertram, ambos da Agatha Christie, que amo de paixão e nunca enjoo) e já estou lendo o 3o.




Tem um que não está nessa foto, porque li no finalzinho do ano passado, Lola e o garoto da casa ao lado, um livro teen super fofo que adorei (mas troquei por outro na Saraiva, já que tinha ganho de presente e ainda estava com etiqueta e estava intacto, porque se tem uma coisa que eu tenho com meus livros - cds, dvds, revistas - é cuidado).


Aproveitando as férias em casa para ler muito, já que não vou viajar porque marido está trabalhando (graças a Deus!!!) e nem me animo de fazer nada com esse calor louco que tem feito no Rio.



Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Desafio de Carnaval



Hoje começa o Desafio de Carnaval, e resolvi me inscrever para servir de incentivo. Sei que não sou boa em desafios, que começo empolgada e acabo largando no meio do caminho, mas também sei que tenho que continuar lutando, não posso me entregar. Necessito emagrecer e com saúde. Sem remédios, só com reeducação alimentar e atividade física. E vou me empenhar para alcançar meu objetivo.


A 1a. Veja Rio do ano veio com um especial sobre emagrecimento bem legal, vale a pena conferir.



Como inspiração, deixo o antes e depois da repórter da revista Veja Rio, Fernanda Thedim, que perdeu 45kg em 7 meses (com dieta das proteínas e atividade física). Matéria completa AQUI.

Obs.: Viram que meu lay sofreu algumas mudanças? Todo começo de ano mudo de lay, graças a Lua, mas esse é tão apaixonante que ficamos com pena de trocá-lo, daí resolvemos mudar só algumas fotos (as da lateral esquerda: que sou eu jogando capoeira; e as da lateral direita: as 2 de cima sou eu no Jardim Botânico, a da ponta direita, eu na piscina do clube e a da ponta esquerda, eu e Con no Parque da Cidade). A frase também mudou, é da mesma música do Pearl Jam que estava ano passado, mas troquei o trecho. Gostaram?

Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

2012 / 2013

Não fiz um post encerrando 2012, mas não quero deixar passar em branco, então mesmo com um pequeno atraso, lá vaí:

No sábado, 29/12, teve o último encontro do ano com as meninas, só que dessa vez desfalcado da Advi que está na Europa com seu amor. A Mere veio passar as festas de fim de ano com a família e veio nos ver (eu, Ju e Lua). Os meninos de Brasília - amigos da Bia que herdei - também estavam no Rio para o Reveillón e vieram também.



O Reveillón foi em casa mesmo, como já venho fazendo há alguns anos, junto com a família, que dessa vez estava quase completa, faltou Hugo, que estava em Cabo Frio com a família paterna. Fizemos um churrasco aqui em casa e fomos pra praia ver a queima de fogos das praias "vizinhas" (Copacabana e Icaraí). Ainda encontramos um amigo que é baterista e ia tocar num bar em frente.  Paz e amor!!! Melhor impossível!!!






Fiz um balanço de 2012, que não foi tão ruim quanto pensei que tivesse sido. A retrospectiva é boa para isso, para pesar o que houve de positivo e negativo.


E esse ano não vou fazer lista, não vou prometer nada, vou agir....


Beijosssssssssssssssss
┌──»ʍi૮ђα